HOSPITAL MÁRCIO CUNHA VAI GANHAR EQUIPAMENTO MODERNO PARA O TRATAMENTO DE CÂNCER

HOSPITAL MÁRCIO CUNHA VAI GANHAR EQUIPAMENTO MODERNO PARA O TRATAMENTO DE CÂNCER

O Hospital Márcio Cunha, com sede em Ipatinga, que é referência no combate ao câncer nas regiões do Vale do Aço e Nordeste de Minas, vai ganhar um novo e moderno equipamento que vai possibilitar que pacientes façam o exame de imagem muito utilizado para diagnosticar precocemente o câncer, verificar o desenvolvimento do tumor e se há metástase. Trata-se do PET-CT, ou tomografia por emissão de pósitrons, que é capaz de identificar, de forma precoce e com muita precisão, lesões malignas que não são detectadas pelos exames convencionais.

O novo equipamento para o Márcio Cunha será viabilizado com recursos do Ministério da Saúde por intermédio e empenho do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, e pelo ex-secretário de Saúde de Minas, senador suplente, Alexandre Silveira.

“É muito importante poder contribuir para que o hospital possa disponibilizar esse moderno equipamento para ajudar no tratamento dos pacientes com câncer. Especialmente por saber que os beneficiados não serão somente os moradores de Ipatinga, mas cerca de 1,3 milhão de pessoas de 67 municípios das macrorregiões do Vale do Aço e do Nordeste mineiro”, assinala Alexandre Silveira.

“Os oncologistas com acesso a imagens PET sabem o quanto o método facilita e acelera as decisões clínicas no tratamento e acompanhamento do paciente com câncer”, afirma o Diretor-Presidente da Fundação São Francisco Xavier, Salvador Prado Júnior, responsável pela administração do Márcio Cunha.

Salvador também destaca que, com o PET, não será mais necessário levar para Belo Horizonte os pacientes que precisam fazer esse exame. “Com a ajuda do senador Rodrigo Pacheco e do ex-secretário Alexandre Silveira, vamos proporcionar aos pacientes de Ipatinga e região o acesso inédito a uma tecnologia de ponta”, acrescenta.

Referência no combate ao câncer

O Hospital Márcio Cunha tem uma unidade de alta complexidade em oncologia com radioterapia, que atende Ipatinga e mais 67 municípios da microrregião. O hospital abriga também uma unidade de oncologia pediátrica, que oferece 10 leitos de internação, poltronas para quimioterapia, brinquedoteca e o suporte de uma equipe multiprofissional para atender pacientes e familiares.

Do total de pacientes da oncologia, 85% recebem tratamento por meio do Sistema Único de Saúde (SUS). Os números do hospital, aliás, são superlativos: são realizadas mais de 24 mil sessões de radioterapia, outras 27 mil sessões de quimioterapia, mais de 23 mil consultas e quase 2.500 exames de medicina nuclear.

Considerado o 5º hospital em número de internações e o 3º em número de partos pelo SUS em Minas Gerais, o Márcio Cunha tem, no total, 548 leitos disponíveis em suas duas unidades. Ano passado, o hospital internou mais de 18 mil pacientes, realizou quase 50 mil sessões de hemodiálise, realizou quase 4 mil partos e mais de 121 mil atendimentos no seu Pronto Socorro.

“Somos referência regional no combate ao câncer, mas o nosso compromisso é trabalhar para melhorar e aperfeiçoar o atendimento oferecido aos nossos pacientes. Com o PET, que estamos conseguindo graças ao trabalho do senador Rodrigo Pacheco e do nosso amigo Alexandre Silveira, vamos colocar o Márcio Cunha em outro patamar. E essa é uma excelente notícia para a população da nossa região”, destaca o Diretor-Presidente da Fundação São Francisco Xavier.